Você sabe quais fatores influenciam na valorização de imóveis?

Você sabe quais fatores influenciam na valorização de imóveis?

Na hora de escolher uma casa ou apartamento, é necessário observar diversos fatores que geram forte impacto sobre a valorização de imóveis. Afinal de contas, o imóvel não é apenas um bem, mas um investimento.

Você já se perguntou quais são esses fatores? É fundamental conhecê-los bem para fazer a escolha certa e não se arrepender no futuro. Sendo assim, continue a leitura e descubra mais sobre cada um deles!

Localização

Uma boa localização exerce impacto direto sobre a valorização de imóveis. Mas o que caracteriza uma localização interessante? São diversos fatores, dos quais destacamos:

  • oferta de comércios e serviços ao redor, como padarias, farmácias, restaurantes, escolas e unidades de saúde; 
  • infraestrutura do bairro, como a qualidade das vias e a presença de saneamento básico; 
  • a arborização e o paisagismo das ruas e calçadas; 
  • as condições do trânsito, especialmente em horários de pico; 
  • a presença de praças, parques e outras áreas de convivência social no entorno.

Como você deve ter notado, todos esses fatores impactam sobremaneira a qualidade de vida do morador e, justamente por esse motivo, exercem tanta influência sobre a valorização da propriedade.

Tamanho do imóvel

Um imóvel amplo e com bom aproveitamento dos espaços faz toda a diferença na sua valorização, especialmente nos dias atuais, quando muitos lançamentos são compactos.

Aliás, não é só a metragem quadrada que impacta na valorização de imóveis, mas também a disposição do espaço, ou seja, a quantidade de quartos, a disponibilidade de área de serviço e a presença de uma varanda, por exemplo. Em geral, quanto maior for o imóvel, mais valorizado ele tende a ser.

Tipos de acabamento

Os acabamentos utilizados no projeto impactam diretamente na valorização de uma casa ou apartamento. O uso de materiais mais nobres como a madeira, o granito e o mármore tendem a tornar o imóvel mais desejado, portanto, mais valorizado.

Por outro lado, não basta somente ter bons acabamentos, mas que eles sejam utilizados harmonicamente e que formem um conjunto de bom gosto. Nesse sentido, até mesmo acabamentos menos nobres, mas usados da forma certa, podem ser um fator de valorização.

Conservação

Os sinais de degradação de um imóvel são visíveis e causam uma péssima impressão nos compradores: infiltrações, paredes manchadas, piso danificado e itens de acabamento ausentes. Sendo assim, para que uma casa ou apartamento continuem valorizados, é importante mantê-los conservados.

Caso você esteja procurando um imóvel, observe esses aspectos durante as visitas. Muitas vezes, os problemas de conservação são fáceis de resolver e resultam em um vantajoso desconto na negociação. Em outros casos, especialmente quando se tratam de problemas estruturais, a decisão mais acertada, normalmente, é evitar a compra.

Segurança do bairro

Há cidades mais e menos seguras no Brasil, mas é uma unanimidade que a criminalidade no nosso país é alta. Sendo assim, estar em uma região tranquila, com poucos problemas relacionados à violência, torna-se um forte fator de valorização de um imóvel.

Mas como saber se uma determinada região é tranquila? A melhor forma de encontrar essa resposta é conversar com os vizinhos e ler os jornais e sites de notícias da cidade.

Vaga de garagem

Sim, esse detalhe faz toda a diferença na valorização de imóveis. Ter onde estacionar o carro com segurança é um grande diferencial, especialmente em cidades com altos índices de roubo de automóveis e pouca disponibilidade de vagas. Se a área for coberta, melhor ainda!

Mesmo quem não possui um carro pode se beneficiar de uma vaga ao alugá-la para um vizinho que não dispõe desse recurso — desde que o condomínio permita, é claro. E para quem tem automóvel, o desconto no valor do seguro faz diferença.

Ao buscar uma casa ou apartamento, é preciso pesquisar bastante e analisar os fatores que influenciam na valorização de imóveis, além, é claro, do custo-benefício. O lado bom é que essa compra é, também, um investimento. Sendo assim, não deixe de analisar todos os aspectos indicados antes de fazer a escolha, combinado?

Agora, conta para gente: de todos esses fatores, qual você valoriza mais? Escreva nos comentários!

Sem comentários

Cancelar