Saiba como escolher os móveis para a sala de estar

Saiba como escolher os móveis para a sala de estar

A escolha de móveis para sala de estar não é uma tarefa qualquer, requer atenção, pesquisa e alguns conhecimentos para as aquisições terem um bom custo-benefício. Do ponto de vista da decoração, a sala é o cartão de visitas da sua residência e, além disso, é capaz de acolher diversas funções, como lazer, descanso e interação social.

Quer acertar na escolha da mobília para a sua sala? Trazemos, neste texto, algumas dicas para facilitar suas compras. Boa leitura! 

Tamanho e qualidade do sofá 

Essa peça é a estrela do ambiente e, quanto maior o investimento nela, mais alto é o padrão da residência — motivo que faz os personagens ricos das novelas ostentarem sofás gigantescos. Alguns acreditam que os modelos brancos também sejam sinônimo de status (provavelmente pela manutenção dispendiosa). No entanto, a escolha da cor deve ser baseada no estilo da decoração.

Na escolha do seu sofá, considere que ele é um elemento decorativo sim, mas é principalmente, funcional. Por isso, deve — mais que elegância e beleza — oferecer conforto e acolhimento para sua família e seus convidados.

Além disso, lembre-se de medir as portas e corredores por onde ele será transportado e ter as medidas em mãos na hora da compra, assim evitam-se contratempos como danos ou necessidade de troca por um modelo menor. 

Estilo e decoração do ambiente 

Desejar um projeto inovador e moderno não significa, necessariamente, ter uma sala high-tech com ar futurista. A inovação pode ser incorporada a uma ambientação clássica, retrô, despojada ou, até mesmo, rústica. O que definirá o estilo da sua decoração são suas preferências com relação à combinação de materiais, texturas e elementos decorativos.

Para facilitar a escolha dos móveis da sua sala de estar, no entanto, o ideal é que o estilo decorativo seja previamente definido, pois as características das suas tendências preferidas podem nortear — e até determinar — o mobiliário e as cores a serem utilizadas. 

Design dos móveis para sala de estar 

É interessante que, mesmo priorizando o conforto, o design do mobiliário usado no seu ambiente também seja considerado. Desta maneira, será possível adquirir peças diferenciadas, com mais personalidade e que combinem com o estilo de decoração adotado. Outras questões a serem consideradas são a segurança e a funcionalidade. 

Por exemplo: em uma casa com crianças pequenas, é aconselhável utilizar móveis com cantos arredondados e que não tenham vidro na sua composição. Já em um ambiente que acumule várias funções, ou que tenha área reduzida, o ideal é optar por peças que sirvam para mais de uma finalidade (como um assento que também possa ser utilizado como superfície de apoio). 

Seleção de materiais e revestimentos 

É possível encontrar móveis com design similar, mas com processos de fabricação e composição distintos, que resultam em preços e, principalmente, qualidades diferentes entre eles. Assim, seus móveis podem ser definidos por um estilo de decoração preferido ou de acordo com questões como: 

  • estética: brilho, cor, efeito visual; 
  • durabilidade dos materiais: madeira, metais, tecidos especiais; 
  • funcionalidade: fácil de lavar ou higienizar; 
  • bem-estar: toque macio, conforto térmico. 

Adequação à rotina da família 

A sala de estar é um ambiente que pode ser utilizado para atividades diversas, e há móveis que são indicados para cada uma delas. Por isso, analise a rotina da sua família para ter um mobiliário funcional, que seja realmente utilizado e não fique apenas ocupando espaço. 

Ler e descansar 

São práticas que exigem assentos confortáveis e iluminação adequada. Invista em poltronas bem acolchoadas, almofadas e itens que auxiliem no controle da intensidade da iluminação, como abajures com dimerização. 

Assistir televisão 

Se o passatempo preferido da família é ver filmes e séries, tenha atenção redobrada na escolha do sofá (preferencialmente com encosto alto, braços largos e suporte para os pés) e utilize mesinhas de apoio para auxiliar durante os lanches e na organização dos controles remotos. 

Divertir-se com as crianças 

Para ter um tempo de qualidade com seus filhos, priorize as brincadeiras preferidas deles, como jogar, desenhar ou esconde-esconde. Essas atividades precisam de área livre (um grande tapete com almofadas), de espaço para desenho e pintura, e também para a utilização de jogos de tabuleiro (mesas com tamanho e altura reguláveis ou personalizados). 

Receber amigos 

Para acolher convidados, considere a média de visitas que costuma receber a cada encontro. Assim, será possível ter uma ideia da quantidade de assentos que precisam estar disponíveis. Se receber pessoas for uma prática comum, escolha um sofá grande, bancos, pufes e cadeiras para compor o ambiente. Se não, opte por peças que possam ser empilhadas quando não estiverem sendo utilizadas. 

Otimização e aproveitamento do espaço 

Planejar bem o espaço antes da aquisição dos móveis é a melhor maneira de garantir um ambiente com harmonia, beleza e funcionalidade. Além de levar em conta as questões apontadas nos tópicos anteriores, lembre-se de considerar os princípios de ergonomia para fazer melhor uso do espaço. Entre eles, estão: 

  • diferença máxima de 2 metros entre os assentos para permitir uma boa conversa; 
  • garantia de que cada pessoa sentada tenha uma superfície de apoio; 
  • mesa de centro com a mesma altura igual do assento do sofá e com afastamento de 50 a 90 cm dele; 
  • posicionamento da TV de acordo com a altitude média do olho das pessoas sentadas; 
  • distância proporcional entre a televisão e o sofá (20 polegadas = 1,35 m; 29 polegadas = 1,85 m); 
  • largura mínima de 50 cm nos espaços de circulação entre os móveis. 

Outra forma de aproveitar bem a área disponível é investir em um mobiliário multifuncional, como pufes com espaço de armazenamento interno (para guardar mantas, almofadas e brinquedos) ou mesas extensíveis, sofás e poltronas retráteis; além de apostar em itens de organização — como prateleiras, estantes e nichos — e em móveis sob medida (principalmente para a acomodação dos aparelhos eletrônicos).

Com essas informações, a escolha de móveis para sala de estar será muito mais fácil, prazerosa e sem risco de erros. Além disso, você conseguirá montar um ambiente que reflete suas características e preferências, atendendo a todas as necessidades da rotina da sua casa.

Gostou deste conteúdo? Nós temos muitos outros para você! Siga-nos nas redes sociais e fique por dentro de todas as nossas dicas e novidades. Estamos no Facebook, no Twitter e no Linkedin.

Sem comentários

Cancelar