Decoração rústica: descubra 7 tendências para apartamento

Decoração rústica: descubra 7 tendências para apartamento

Sabe aquele aconchego que só casa de vó desperta? Só de pensar, dá vontade de pegar uma cadeira, sentar em volta da mesa, tomar um café e ficar horas relaxando ou jogando conversa fora, não é mesmo?

Ainda que, naquela época, sua avó não tenha preparado a casa pensando em orientações de decoração, ela foi uma pioneira do que, atualmente, chamamos de decoração rústica.

Essa tendência veio para ficar e está muito relacionada com um jeito simples, porém cuidadoso, de decorar ambientes. Se você gosta desse efeito, não pense que é preciso ter uma casa grande ou investir um valor altíssimo em reforma e compra de móveis.

Basta seguir algumas orientações que são a base desse estilo e o ponto de partida para criação de ambientes frescos, calmos e acolhedores. Vamos a elas!   

1. Matérias-primas naturais

Madeira, pedras, palha… Toda matéria-prima que for natural, ou que imitar ser, garante uma decoração rústica de sucesso. Invista em móveis únicos, garimpe! Às vezes, alguém está querendo se desfazer de uma estante antiga que ocupa muito espaço. Basta uma reforma básica e você terá um móvel bonito e com história.

A madeira de demolição é ecologicamente correta, já que é de segunda mão, e dá um efeito incrível. Prateleiras, vigas aparentes ou mesmo uma mesa com esse material faz você se sentir em uma casa de campo.

Cadeiras com acabamento em palhinha, pedras para revestir lareiras e fachadas e cestas de vime são outros exemplos de itens que dão um efeito incrível na decoração rústica.

2. Cores neutras

Conforme mencionado, a madeira natural é essencial para esse tipo de decoração. Para contrastar com sua cor, normalmente escura, é interessante investir em tons claros e neutros para paredes e itens menores.

Isso evita que o ambiente fique escuro e carregado demais. Saber compor a partir da relação claro x escuro pode ajudar até mesmo a aumentar ou diminuir, aparentemente, o tamanho de um cômodo, por exemplo.

3. Paredes com tijolos

O tijolinho, combinado a madeira natural, é a cara da decoração rústica. Há basicamente três formas de ter uma parede assim:

  • papel de parede: é a maneira mais econômica, porém menos natural. Existem vários modelos no mercado, que permitem inclusive que a aplicação seja feita sem ajuda de um profissional. É a saída para quem mora em imóvel alugado ou não pode investir muito;
  • revestimento: há diversos modelos de revestimento de tijolinho, que são colocados sobre a parede e dão um efeito muito real. Nesses casos você pode usar a imaginação, são muitos os modelos e as cores;
  • parede descascada: se o seu imóvel é muito antigo, a chance de ter sido originalmente construído com um modelo de tijolo que fica incrível com decoração é muito grande! Por isso descasque um pequeno pedaço da parede, em um local muito escondido, e veja se gosta do efeito.

Esse acabamento pode ser usado num ambiente inteiro ou apenas em lugares de destaque. Às vezes, aquela parede sem graça da sala de estar pode passar a ser a estrela da casa sem muito investimento ou trabalho, já pensou?

4. Detalhes e objetos em ferro

Lembra daquela história de que a decoração rústica retoma o simples de forma diferenciada? O ferro já vem sendo usado há muito tempo nos mais diversos lugares dentro de uma casa: pé de mesas, camas, panelas, enfeites etc. Trata-se de um material com longa vida útil que fica lindo quando aplicado de forma inteligente.

Você pode, até mesmo, pensar em um móvel e mandar fazer. A combinação entre ferro e madeira não tem nenhuma chance de erro.

5. Itens com história

O que deixa o ambiente acolhedor é a história que ele conta. Por isso, se você mandar fazer todos os móveis e comprar os itens da decoração talvez não consiga esse efeito. Dessa forma, aposte em objetos e móveis com história!

Uma lembrança de viagem pode ficar ótima em uma estante, assim como uma jarra antiga e esquecida da família pode ser um ótimo porta-talheres. Use a criatividade e pense em novos usos para itens antigos.

6. Iluminação natural

Volte a imaginar a casa da sua avó. Certamente você a associa a um local com varanda e janelas grandes. A decoração rústica busca voltar à simplicidade de forma bonita e inteligente, por isso, criar maneiras de deixar a luz natural entrar é essencial.

Isso pode ser feito, por exemplo, com o uso de cortinas claras, escolha de janelas grandes e construção de um ambiente integrado e aberto.

Lembre-se: quanto menos paredes, mais luz entra! Se você vai comprar o primeiro apartamento e não pretende investir numa grande reforma, uma boa dica e procurar já focando nos pontos estruturais do imóvel, priorizar aqueles com ambientes mais abertos, por exemplo.

Além da luz natural, é interessante iluminar a casa com lâmpadas amarelas, que deixam o ambiente mais aconchegante, além de arandelas, pendentes e luminárias. Esqueça aquele único ponto de luz no centro do teto e brinque com as possibilidades!

7. Plantas internas

Você pode, tranquilamente, ter plantas dentro de sua casa. Basta saber quais podem ficar em ambientes fechados e como elas devem ser cultivadas (necessidade de luz, vento, água etc.). Elas podem aparecer por toda a casa, em cachepôs de pano, penduradas no teto por meio de macramês, na estante ou em vasos grandes no chão.

Use a imaginação e varie nas espécies e na forma de distribuí-las pela casa.

Um bom exemplo é a horta, que pode ser criada na cozinha ou na varanda de seu apartamento. Assim, você terá alguns temperos e, quem sabe, até algumas verduras fresquinhas quando precisar. Além de deixar a casa cheirosa e bonita, traz toda energia boa e relaxante que só aquele espaço verdinho proporciona.

A correria do dia a dia nos faz valorizar ainda mais os momentos que passamos em casa, não é mesmo? Por isso, use as dicas que apresentamos para deixar seu cantinho aconchegante para relaxar e receber amigos. Afinal, como uma boa decoração rústica, ficar em casa pode se tornar ainda mais especial.

Compartilhe esse conteúdo nas suas redes sociais e mostre que mudar um ambiente vai muito além de questões estruturais ou de decoração!

Sem comentários

Cancelar