Confira 5 dicas incríveis para deixar seu apartamento sustentável

Confira 5 dicas incríveis para deixar seu apartamento sustentável

Um assunto que tem se tornado recorrente em diversos segmentos do mercado por conta da importância que ele carrega é a sustentabilidade, visto que está relacionada com a preservação do meio ambiente e dos recursos naturais. Sendo assim, na construção civil não seria diferente, e existem diversas maneiras de tornar o seu apartamento sustentável.

A possibilidade de morar em um imóvel que visa a sustentabilidade demonstra a preocupação com a natureza e a nossa qualidade de vida no futuro, além de ser uma excelente alternativa para a maioria das pessoas, pois ela traz diversas vantagens, inclusive economia com as despesas do apartamento.

Você conhece essa nova tendência sobre morar em um apartamento sustentável? Gostaria de aplicar essa ideia em seu imóvel? Então, continue por aqui que preparamos para você alguns bons motivos sobre como pode ser bom morar em um apartamento assim!

O que é um apartamento sustentável?

Um apartamento sustentável é um imóvel projetado com alternativas para minimizar as agressões ao meio ambiente e até mesmo reconectar as pessoas com a natureza. Essa opção se tornou uma novidade no mercado da construção civil e da arquitetura e vem conquistando muitos clientes.

Tal alternativa, além da preocupação com o meio ambiente, busca aliar o conforto do apartamento com a qualidade de vida na rotina dos moradores. Ter um apartamento sustentável vem desde a escolha do imóvel, juntamente a medidas ecológicas e hábitos que as pessoas podem adotar em prol dessa preservação do meio ambiente.

Por que é tão importante pensar nessa ideia?

Há muito tempo as ações desmedidas do ser humano vêm afetando o nosso planeta em vários âmbitos, mostrando sinal de que a natureza precisa de uma atenção especial. Sendo assim, como o mercado da construção civil é um dos que mais produzem resíduos descartados no meio ambiente, é importante pensar em ideias como essa para tentar amenizar um pouco o impacto causado.

O conceito de apartamento sustentável também beneficia muito o morador, uma vez que esse tipo de imóvel gera economia com gastos em energia elétrica e consumo de água, por conta das iniciativas que são tomadas. Vamos conhecer um pouco delas?

Como tornar o apartamento sustentável?

1. Troque as lâmpadas

A iluminação artificial tem um papel importante na ambientação dos espaços, e isso não seria diferente nos apartamentos. Porém, esse recurso afeta diretamente a conta de energia, e como em muitos lugares ainda são utilizadas fontes energéticas não renováveis, a alternativa é reduzir o gasto.

Portanto, troque as lâmpadas convencionais pelas de LED, produtos que trazem maior economia para o seu lar e diminuem os impactos ambientais. Elas expressam o consumo consciente de energia e têm ganhado muito espaço na maioria dos projetos residenciais.

As lâmpadas de LED têm um consumo mais baixo do que as fluorecentes e incandescentes, além de uma potência superior e emissão de calor nula, ou seja, não aquecem o ambiente, deixando o clima do seu lar mais ameno e confortável. Esse produto também tem uma durabilidade bem extensa, comparada a dos outros tipos encontrados no mercado.

2. Utilize eletrodomésticos de baixo consumo

Mesmo que a troca de lâmpadas ajude bastante no uso consciente da energia elétrica, ainda é necessário monitorar o consumo para reduzir ainda mais os gastos mensais. Para isso, é necessário também utilizar eletrodomésticos e aparelhos eletrônicos que tenham baixo consumo energético.

Antes de comprar os equipamentos, verifique os selos produzidos pela PROCEL (Programa Nacional de Conservação de Energia Elétrica) e também pela ENCE (Etiqueta Nacional de Conservação Energética). Essa classificação é feita para informar se aquele produto é ou não mais econômico.

A etiqueta contém as letras de A até G, em que A é o mais eficiente e gasta pouca energia; o G, o menos eficiente e tem um consumo energético muito maior. Você consegue encontrar essa informação em vários tipos de equipamentos eletroeletrônicos. Mesmo que não seja notada muita diferença no início, o impacto econômico acontece a longo prazo e traz muita melhoria para o consumo de energia.

3. Reduza o consumo de água

Outro importante aspecto que qualifica um apartamento sustentável é a preocupação com a redução do consumo de água e também o reuso desse bem tão precioso que tem se mostrado bastante escasso no planeta.

Para isso, você pode utilizar um chuveiro com baixo fluxo para não gastar muita água durante o banho, além de diminuir o tempo embaixo dele. O período de banho pode ser até no máximo cinco minutos.

Você ainda pode propor que o condomínio invista em um sistema de coleta de água da chuva, em que esse recurso coletado pode ser reutilizado na lavagem de áreas comuns do prédio, cuidados com o jardim, dentre outras aplicações. Todas essas alternativas ajudam na redução do gasto com a água nos apartamentos.

4. Recicle o lixo

Todo mundo sabe que o depósito de resíduos na natureza é um dos grandes problemas enfrentados na preservação do meio ambiente. Portanto, para que se tenha um apartamento sustentável, é importante que os moradores também pensem nesse aspecto e adotem ações de coleta e reaproveitamento do lixo.

O lixo orgânico pode ser usado na compostagem, processo no qual é separado do lixo seco e utilizado como adubo. Já os lixos secos podem ser recolhidos de acordo com a sua categoria (papel, vidro, plástico e metal), o que facilita bastante a coleta e a distribuição para depósitos que vão fazer a reciclagem desse material, reduzindo o descarte na natureza.

5. Compre produtos eco-friendly

Na hora de comprar produtos para você e sua família, também é possível ter consciência sustentável, visto que existem mercadorias eco-friendly, aquelas amigavelmente ecológicas. Elas têm se destacado cada vez mais no mercado por serem alternativas sustentáveis e minimizarem os impactos ao meio ambiente.

Todos os produtos que recebem esse selo eco-friendly são feitos com insumos naturais e biodegradáveis, e são encontrados em diversos tipos, como materiais de limpeza e higiene pessoal, vestuários, utensílios, peças de roupa, cama, mesa e banho, estando nas prateleiras de vários shoppings e supermercados das grandes cidades.

Por fim, vale destacar que a tecnologia pode sempre nos ajudar a tomar atitudes sustentáveis. Há dispositivos com o objetivo de regular o tempo de uso das torneiras, o que minimiza o desperdício de água em atividades do dia a dia, como lavar os alimentos, limpar os utensílios de cozinha e até mesmo lavar as mãos e escovar os dentes. Existem também os sensores de presença que ligam as luzes ao sinal de movimento no ambiente e as placas solares que aquecem a água do banho por meio da energia do sol, evitando o gasto de energia elétrica.

E aí, o que achou do nosso conteúdo? Gostou de aprender um pouco mais sobre como ter um apartamento sustentável? Ficou interessado em ver mais assuntos como este? Então continue aqui e veja como calcular a tinta de parede para evitar desperdícios!

Sem comentários

Cancelar