9 dicas para você escolher os melhores móveis para varanda

9 dicas para você escolher os melhores móveis para varanda

Geralmente, a varanda de uma casa ou de um apartamento é uma área bem arejada e aberta que, além de proporcionar luminosidade e beleza natural para o recinto, serve como um local perfeito para descansar e receber os amigos.

Nesse sentido, torna-se bastante significativo planejar bem o espaço com as melhores composições de móveis para varanda. Além disso, é importante não saturar o ambiente com mobílias grandes que, muitas vezes, não são utilizadas e podem ocupar toda a extensão do lugar.

Quer saber como não errar na decoração e ter uma varanda bem organizada? Então, continue lendo este post e confira 8 dicas imperdíveis que preparamos para você!

1. Confira o espaço

Antes de pensar nos móveis para varanda, é preciso conferir a função e o tamanho do espaço, com o objetivo de que ele seja suficiente para acomodar a mobília pretendida e o número de pessoas que vão frequentar o ambiente.

Se o objetivo é montar uma varanda gourmet para receber as visitas, por exemplo, é preciso estabelecer a lotação máxima para o local e utilizar móveis diferentes dos usados em uma área de descanso ou de leitura, a fim de não comprometer a decoração e proporcionar bem-estar para todos.

2. Leve em consideração o conforto dos móveis

Na hora de escolher os móveis, praticidade e conforto são questões cruciais que devem ser levadas em consideração. Isso porque esses são alguns dos itens que os acompanharão nos momentos de conversas e de interação com as visitas. Logo, aconchego e ergonomia são fundamentais.

3. Verifique a qualidade do material

Hoje em dia, o mercado conta com uma grande variedade de móveis para varanda, porém é preciso ficar atento se a qualidade do material condiz com o clima do ambiente.

Isso porque, caso a varanda seja aberta, tanto chuva quanto vento e poeira podem estragar as mobílias se elas não forem resistentes a esses fatores. O mesmo vale para as varandas cobertas nas quais há grande incidência de sol, já que isso pode esquentar os estofados de couro, por exemplo.

4. Escolha a mesa mais adequada

Devido ao espaço da varanda, a mesa de centro é a opção mais utilizada e se torna um item indispensável para compor o ambiente. Por ser minimalista, uma mesa pequena oferece mais destaque para poltronas e cadeiras.

Já uma maior possibilita um melhor conforto para o usuário. Porém, conforme o posicionamento e a proporção da mesa, ela poderá desvalorizar os demais itens do local.

Se a varanda tem um espaço maior, mesa quadrada pode acomodar mais pessoas. Por outro lado, em um ambiente reduzido, uma mesa redonda e dobrável é uma ótima opção, pois dinamiza a circulação das pessoas e pode ser recolhida ou guardada quando não estiver sendo usada.

Além da sua função decorativa, as mesas são extremamente funcionais, visto que são usadas também para apoiar os objetos, como bolsas e bebidas.

5. Selecione as cadeiras

Dentre as mais variadas possibilidades de móveis para varanda, existem cadeiras de diversos tipos, como de fio simples, trabalhas em palha, dobráveis, entre outras. O ideal e mais comum é combinar as cadeiras com a mesa, de modo que isso traga harmonia sem comprometer a decoração.

6. Prefira os modelos como espreguiçadeiras, chaises, banquetas e puffs

Esses modelos são opções convidativas ao relaxamento e acomodam mais de uma pessoa. No entanto, alguns móveis para varanda ocupam um espaço considerável, e, nesse caso, é preciso organização e planejamento. As espreguiçadeiras são um exemplo disso. Entretanto, optar pelas desmontáveis é uma boa maneira de não precisar abrir mão desse conforto.

Já as chaises contam com modelos que são bem-vindos para qualquer tipo de varanda. As pequenas geralmente acomodam duas pessoas, e as maiores podem comportar até cinco de uma única vez. Tudo isso sem deixar o aconchego de lado. Para tanto, basta se certificar de que o tamanho do ambiente comporta esse tipo de mobília.

Outra boa opção são banquetas e puffs, na medida em que, além de ocuparem pouco espaço, proporcionam um design moderno, pois podem ser distribuídos ao longo da varanda, deixando o ambiente descontraído e alegre, independentemente do seu tamanho.

7. Atente-se para estampas e cores

Investir em cores e estampas nos móveis para varanda é uma ótima dica, mas desde que as opções escolhidas estejam em harmonia com o restante da decoração da casa.

Procure evitar os tons mais escuros, como azul-marinho, preto e marrom, pois absorvem muito o calor e podem ir de encontro ao conceito acolhedor de que o espaço precisa. Dessa forma, prefira as cores mais claras, como tons pastel e bege, já que são tonalidades neutras e podem combinar com objetos coloridos.

8. Observe o material

Quando for adquirir os móveis para varanda, é importante optar por aqueles que possuem materiais mais resistentes às intempéries, como alumínio, madeira e fibra sintética, já que esses são fáceis de manter a conservação e oferecem um toque especial para o local.

Os itens feitos com plásticos têm a vantagem de serem mais em conta e acessíveis, porém, se forem coloridos, podem desbotar devido à luminosidade do local. Outro material que também costuma ser bem resistente é o ferro fundido, mas, com o tempo, pode acabar enferrujando se não for tratado.

Vale ressaltar que, sejam quais forem os tipos de móveis para varanda escolhidos, eles devem ser impermeabilizados, tradados ou envernizados, com o objetivo de reduzir a manutenção e proporcionar uma maior durabilidade.

9. Invista na decoração

Para trazer ainda mais sofisticação, invista na decoração da varanda. Para o chão, ofereça algo que possa ir além do piso comum, como tapetes, minidecks e, até mesmo, grama sintética, uma vez que são opções agradáveis e fáceis de usar.

Já para dar um toque especial, solte a imaginação e crie um jardim vertical com algumas hortaliças ou plantas de sua preferência. Isso, com certeza, vai deixar sua varanda elegante, moderna e com um espaço convidativo.

Com essas dicas, é possível montar um ambiente com o seu perfil e com as preferências de sua família, evitando possíveis erros indesejáveis na hora de escolher os móveis para varanda.

Gostou das nossas sugestões? Aproveite que está por aqui e veja também algumas dicas essenciais de como fazer para melhorar a qualidade de vida!

Sem comentários

Cancelar